O pior inimigo da normalidade.

PATAMAR

Observe a escadaria acima.

Depois se subir o primeiro lance de dez degraus você atinge um patamar, mas há mais degraus dali para cima.

Observe isso atentamente e estará aprendendo um grande segredo do processo terapêutico e isso vai ajudar a compreender porque você tem dificuldades em emagrecer.

No meu tempo, se você se formasse em psicologia não lhe era permitido trabalhar com hipnose e regressão.

É claro que isso não impedia os psicólogos menos éticos de se dedicarem a essa atividade bem como à astrologia e outras artes alternativas, atividades proibidas pelos conselhos regionais mas que encantavam muita gente.

A solução para quem era ético era buscar uma formação paralela que lhe permitisse a ousadia de trabalhar com essas alternativas sem ferir a ética.

Como eu desejava trabalhar com regressão busquei minha formação em psicanálise e depois fui estudar regressão com o Dr. Brian Weiss nos Estados Unidos obtendo minha certificação profissional nessa área e a ela me dedicando por muitos anos.

Até escrevi um livro a respeito e se você quiser ter acesso GRÁTIS a ele basta clicar aqui.

No ano 2000 foi liberado ao psicólogo a prática da hipnose, mas não a prática da regressão, embora isso não tenha impedido muitos psicólogos de trabalharem com isso mais uma vez ferindo os padrões éticos de sua profissão.

Mas qual a diferença entre a abordagem da psicologia e da regressão e o que isso tem a ver com as pessoas que desejam emagrecer e encontram dificuldade nesse processo que é tão simples se você conhece o caminho das pedras como a Dieta Paleo Simplificada, por exemplo?

A regressão é uma técnica como outra qualquer e pode ser aprendida e praticada por qualquer terapeuta que a ela se dedique, mas leva você além da normalidade e é aí que está o grande segredo.

Sendo uma atividade bastante desconhecida no Brasil as pessoas ligavam para o Dr. Brian na América ou o contatavam por carta (Não havia internet na época.) e ele me indicava para atende-los aqui no Brasil.

Graças à gentileza das indicações do Dr. Brian tive muito sucesso nessa prática e um de meus pacientes me elogiou dizendo mais ou menos o seguinte:

“- Faço terapia há muito tempo. Já fiz terapia com psicólogos, com psicanalistas e até tratamento psiquiátrico eu já fiz. E todos eles me tiravam da depressão e me reconduziam à normalidade. Mas isso nunca funcionou para mim. Eu voltava a normalidade e logo em seguida eu estava depressivo outra vez. O único método que funcionou mesmo para mim foi o seu método, porque o seu método me levou além da normalidade.”

Quando ouvi isso não entendi direito o que ele queria dizer, mas se você refletir a respeito poderá chegar à seguinte conclusão:

Na Física você aprende que existe um fenômeno chamado resiliência que  descreve a propriedade que alguns corpos apresentam de ter elasticidade suficiente que lhes permite retornar à forma original após terem sido submetidos a uma deformação.

Na Psicologia indica a capacidade do paciente retornar à normalidade e é considerada uma atitude terapêutica correta.

No processo de emagrecimento é, infelizmente, a capacidade do corpo do gordo retornar ao platô de seu peso anterior assim que abandone sua dieta.

Agora volte a observar a ilustração que incluí no início deste artigo.

Você estava naquele patamar próximo à porta, vamos considerá-lo como sendo o platô de normalidade.

Quando você entra em depressão, você escorrega alguns degraus para abaixo e sua maneira de lidar com a vida fica abaixo da média.

Aí vem o psicólogo, o psicanalista ou o psiquiatra como disse aquele meu paciente e através de terapia,  análise ou medicação o reconduz ao platô da normalidade.

O problema é que se a normalidade antes não era suficiente para manter você normal também não será suficiente agora e você estará sujeito a novas depressões em breve.

Mas a escada não termina no platô, há mais um lance de degraus acima dele.

Segundo aquele paciente meu método de regressão o conduzia alguns degraus acima do platô da normalidade e quando ele tinha uma recaída e rolava alguns degraus abaixo ia parar no platô, ou seja continuava dentro daquilo que é considerado como normal.

O resultado de qualquer processo terapêutico depende menos do método do que da habilidade do profissional que o aplica.

Assim, o bom psicólogo não é aquele que o reconduz à normalidade e e sim aquele que o leva além dela, para que você, caso tenha uma recaída, não desça tanto dentro de seus padrões a ponto de ser acometido pelo mesmo estado emocional negativo a que já chegou anteriormente.

Isso descreve as pessoas que estão sempre bem, elas galgaram alguns degraus acima da média das pessoas e quando acometidas por algum tipo de contratempo ou provação diante da vida, mesmo que saiam de seu nível habitual ainda assim continuam dentro do padrão da normalidade.

Quanto à resiliência em seu processo de emagrecimento, há uma maneira de lidar com isso durante a dieta e outra de lidar com isso depois da dieta.

Contarei a você esses segredos em meu post de amanhã.

Por você, por sua saúde e por um emagrecimento rápido e eficaz.
 
                                      Dr. Marco Natali
Seguir os procedimentos básicos é bom,
mas seguir o exemplo de quem já chegou lá é ainda melhor.

Para ver depoimentos de pessoas que emagreceram
clique aqui.

Para saber quem é o Coach Dr. Marco Natali clique aqui.

Divulgue este Blog e esta oportunidade de Consultoria Gratuita para seus amigos e amigas, vamos ajudar a quem precisa.

Deixe um comentário abaixo por favor.

Para retornar à página inicial clique aqui.