O que é Coaching?

AAA LOGO 3O QUE É COACHING?

Eu estava em um cartório esperando para reconhecer a firma de um contrato e até mesmo o atendimento preferencial dos idosos estava com fila.

Nessas ocasiões eu sempre levo um livro para ler e um rapaz da fila ao lado espichou um “zoião” para ver o título.

Quase sempre ultimamente eu costumo ler livros sobre Coaching pois sempre estou polindo minhas ferramentas de trabalho para poder ajudar ainda mais meus clientes.

Tratava-se do livro COACHING NA PRÁTICA que na realidade eu estava relendo.

O rapaz fez a costumeira “cara de joelho” que as pessoas fazem quando se deparam com a palavra “coaching” pela primeira vez.

Aproveitei para puxar prosa: – Sabe o que é coaching?

Ele foi sincero e respondeu: – Nunca ouvi falar.

Sempre achei que a curiosidade merece ser saciada e engatei uma explicação: – É uma tecnologia bastante nova aqui no Brasil e pouca gente conhece. Sou Coach. O que eu faço é ajudar as pessoas a realizarem coisas. Pego a pessoa identifico onde ela está hoje e onde ela quer chegar e mostro a ela o que ela tem que fazer para chegar lá. Eu amo meu trabalho, pego você por exemplo, identifico com você o seu ponto A que é onde você está hoje, faço você ver o seu ponto B que é onde você quer chegar, o que você quer para sua vida. E faço você planejar isso, é o que eu faço. Esse é meu trabalho. Tome um cartão meu. Quem sabe um dia você não vai querer saber mais, vai que um dia você quer planejar seu futuro, ter uma chance melhor para a tua vida. Entre em contato comigo. Até estou fazendo um esquema muito legal, a primeira sessão é experimental, se você não gostar não tem compromisso nenhum. Se você gostar já fica valendo para a primeira sessão. Mande um e-mail para mim ainda hoje que eu vejo um horário para você.

Nesse momento a fila dele andou, ele foi ao guichê e enquanto a moça o atendia, deu uma rápida olhada em meu cartão e o guardou no bolso.

Ao sair ele deu um “tchau” e seguiu seu caminho, eu também acabei sendo atendido e voltei para casa.

Lá pelo meio da tarde o telefone tocou e era ele.

Contou que era o rapaz que estava no cartório a quem eu havia dado um cartão e que era formado em Educação Física, que o ramo era bom, mas que só encontrava vaga como instrutor de musculação e que o salário era baixo. Ele disse também que era de São Paulo e trabalhava lá, mas que estava noivo de uma moça aqui de Sorocaba, que queria se casar, mas com o salário que recebia não tinha condições para isso, e se eu poderia ajudar. Expliquei a ele que o segmento principal de meu trabalho consiste justamente em treinar pessoas de diferentes áreas: professores de educação física, fisioterapeutas, instrutores de artes marciais, conduzindo-os ao trabalho de Coach ou Personal Trainer que é bastante rentável, perguntei se ele estava interessado. Ele estava. Verifiquei em minha agenda um dia e horário que estivesse dentro das possibilidades dele e agendamos a sessão inicial gratuita que costumo chamar de Consultoria Gratuita. Mesmo ele morando e trabalhando em São Paulo, isso não era problema já que meu atendimento é online pelo Skype ou pelo Hangout do Google.

Infelizmente eu estava com minha agenda lotada e só haveria uma vaga no horário que ele estava disponível dentro de duas semanas.

Mas o tempo não passa, quem passa é você e ele topou, agendou e quando a data chegou eu o atendi.

Ele gostou da sessão inicial e contratou meu acompanhamento como Coach para as oito ou dez sessões de meu programa de Coaching.

Foi muito interessante trabalhar com ele. Ele realmente estava comprometido em se dedicar a sua carreira e já pela terceira sessão, aplicando as ações recorrentes que a nossa parceria revelou serem as mais adequadas ele já havia conseguido seus dois primeiros clientes e estava ganhando com eles um pouco mais do que ganhava com seu trabalho na academia.

Ele estava maravilhado, estava ganhando mais do que ganhava na academia e trabalhando bem menos horas.

Em torno da quinta sessão ele já tinha oito alunos e se demitiu da academia.

Nosso Coaching se encerrou não me lembro se na oitava ou na nona sessão porque ele já estava conseguindo tudo que queria.

Passado uns seis meses eu o encontrei com a noiva no Esplanada Shopping aqui em Sorocaba e ele me disse que estava com 15 a 18 clientes em média e que alguns o contratavam para 5 acompanhamentos semanais (com cerca de uma hora cada) a R$ 300,00 a hora!

Ele usou uma expressão interessante: – Estou “lavando a égua”. E disse que já estavam com o casamento marcado.

Sempre fico feliz em poder ajudar.

Para contatar o Dr. Marco Natali clique aqui.

Deixe um comentário.

Participe da discussão

2 comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *